Que tal Espanha?

Que tal Espanha?

Como fazer um intercâmbio na Espanha?

  1. Defina claramente o que fará na Espanha, se serão estudos, trabalho ou ambos. Isso ajudará a definir uma série de elementos.

  2. Se você deseja estudar por lá, o visto só é necessário para períodos superiores a 90 dias.

  3. Se você deseja trabalhar, independente do tempo, o visto é sempre obrigatório.

  4. É permitido entrar na Espanha sem visto para períodos de até 90 dias.

  5. Evite comer em restaurantes turísticos, pois os preços ali encontrados são bem mais caros. Dê preferência a estabelecimentos mais locais.

  6. Cuidado com estranhos. Pode soar como conselho materno, contudo alguns golpes são aplicados quando você começa a dar muita brecha para um estranho.

  7. Sempre carregue consigo o bilhete do metrô ou qualquer outro meio de transporte, até o fim da viagem. Eventualmente pode aparecer fiscais solicitando e se você não tiver isso em mãos, pode levar uma multa.

  8. Ao se preparar para fazer o intercâmbio, leve em consideração os custos do visto, que tem um preço bem salgado.

  9. Escolha a cidade Espanhola que quer fazer a viagem. Os destinos mais comuns são Madri e Barcelona.

  10. Providencie todos os documentos necessários. Certique-se que eles estejam em dia e quais os documentos extremamente necessários para o intercâmbio.

  11. Escolha cuidadosamente o programa de intercâmbio, verificando, além dos valores, se há seguro saúde, como ficará a questão de estadia, entre outros detalhes.

  12. Tenha sempre consigo o documento de porte necessário exigido, que no caso espanhol é o passaporte.

  13. Anote e guarde o telefone da agência de intercâmbio, para o caso de eventualidades e emergência.

Os motivos para se fazer intercâmbio na Espanha

A Espanha é um país que é ao mesmo tempo moderno, avançado e repleto de muita história. É um país efervescente em termos de cultura e diversão.

1. Língua

O idioma pode ser uma barreira inicial para um grande número de pessoas.  A proximidade com o português facilita muito o viver na Espanha.

2. Clima

O clima espanhol costuma ser bem mais amigável e ameno do que no norte da Europa, por exemplo. As temperaturas são um pouco maiores e o inverno menos rigoroso do que em outras regiões.

3. Cultura e educação

A cultura espanhola é bastante diversa, assim como seu povo. Além disso, lá encontram-se algumas das instituições universitárias mais renomadas de todo o mundo.

4. O custo de vida

Certamente o custo de vida na Espanha é maior do que o brasileiro. Contudo, em comparação com o restante da Europa, o custo de vida espanhol, a média de gastos na Espanha é bem menor em comparação com outros países europeus.

5. Lazer e vida noturna

A Espanha é um país repleto de opções de lazer e diversão, notadamente na vida noturna. A vida noturna na Espanha é uma das mais badaladas de toda a Europa.

Há diversos bares, casas noturnas e festas para todos os gostos. A noitada espanhola começa tarde, assim como no Brasil e acaba tarde também.

6. Tranquilidade

O povo espanhol é bastante tranquilo e apesar de serem aplicados no trabalho, também prezam o descanso e o lazer.

É de lá a prática da siesta, prática onde o trabalhador tira um tempo para descansar ou mesmo dormir e repor suas energias para o restante do dia.

Desfrutando os prazeres de fazer intercâmbio na Espanha

A Espanha é um país que possui muita familiaridade com diversos elementos que encontramos no Brasil, o que faz dessa transição algo mais tranquilo e prazeroso.

O relevo e clima desse país é bem diversificado, variando levemente de região a região, possuindo opções para quem prefere climas mais amenos ou mais intensos.

A culinária espanhola é bastante rica e diversificada, apresentando pratos diferentes e saborosos, que caem no gosto de brasileiros e outros povos que passam por lá.

Como qualquer experiência de intercâmbio, vale ressaltar que as leis e costumes europeus são diferentes e portanto é importante se informar sobre eles e sobretudo respeita-los, para fazer da sua estadia uma ótima experiência.

 

WhatsApp